Alimentação do bebé: Do nascimento aos 6 meses
Por Dr. Bettye M. Caldwell
A alimentação do bebé é a parte mais importante, e confusa, para os pais de primeira viagem. Os conselhos abundam - de familiares, amigos e até conhecidos - mas a maioria da informação é incoerente. Além disso, a investigação nutricional está sempre a mudar as regras, tornando ainda mais difícil decidir o que é melhor para o bebé. Apesar disso, algumas coisas essenciais nunca mudam: 

  • Siga o seu instinto. Se não lhe parecer bem ou se o seu bebé ficar infeliz, não é o mais indicado para vocês.
  • Ouça apenas as recomendações de profissionais em saúde infantil. As coisas mudam e os profissionais mantêm-se atualizados.
  • Tenha força para se manter fiel ao seu plano, mas seja agradável para com as pessoas que estão a tentar ajudar. Lembre-se de que, um dia, vai precisar de babysitter.
Seguem-se algumas indicações. Alguns bebés progridem mais cedo do que outros. Os bebés prematuros têm de ser retidos na primeira fase até atingirem a idade "corrigida". Todos os bebés são diferentes, por isso estas indicações não são absoultas. Se tiver alguma preocupação, consulte o seu pediatra ou enfermeiro pediátrico do centro de saúde local.

Para Começar: O leite materno é o primeiro alimento preferido e recomendado para todos os bebés e é incentivado por pediatras e organizações como a American Academy of Pediatrics e a American Dietetics Association, bem como a maioria das restantes organizações profissionais de saúde. Os leites artificiais são a segunda escolha e permitem um bom crescimento à maioria dos bebés. Seja qual for o método escolhido, o leite, materno ou artificial, é o único alimento de que o seu bebé necessita nos primeiros 5 a 6 meses de vida.

O bebé nasce com um estômago do tamanho de um berlinde. Aos 10 dias, é aproximadamente do tamanho de uma bola de pingue-pongue! No entanto, à medida que o bebé cresce, o seu estômago torna-se mais elástico, permitindo-lhe dilatar à medida que o bebé come. Os recém-nascidos estão "pré-programados" para comer 8 a 12 vezes em cada 24 horas. Os bebés amamentados comem com mais frequência porque o leite materno é mais fácil de digerir, enquanto que os bebés alimentados com biberão comem a cada três horas. Independentemente do leite utilizado, saberá que o bebé está a comer "suficiente" se molhar seis a oito fraldas por dia e evacuar pelo menos três vezes em cada 24 horas durante as primeiras quatro a seis semanas de vida. (Revista a fralda com um lenço de papel caso seja tão absorvente que não lhe permita ver se o bebé já a molhou.)

O bebé deverá ficar satisfeito após cada refeição e acordar em intervalos regulares para ser novamente alimentado. Regurgitar no final, costuma significar que o bebé ingeriu mais leite do que o estômago permitia. Caso seja recorrente, consulte o seu pediatra.

A regra geral para a quantidade de leite artificial indicada para um bebé com um mês é 150 ml por kg em cada 24 horas, aumentando para 120 a 180 ml por refeição (até 950 ml por dia) a partir dos dois meses. Os bebés maiores podem precisar de um pouco mais. Depois de o biberão entrar na boca do bebé, quaisquer restos devem ser eliminados para impedir o desenvolvimento de bactérias e a degradação dos nutrientes.

Preparado para alimentos sólidos: O sistema imunitário do bebé é imaturo durante os primeiros meses. O leite materno fornece a maioria das imunidades de que o bebé necessita, mas o leite artificial não. Introduzir alimentos sólidos demasiado cedo pode desencadear sensibilidades ou alergias e muitas das enzimas necessárias para digerir sólidos ainda não estão disponíveis em quantidade suficiente para permitir a metabolização adequada dos alimentos. Mais importante, um bebé não possui a capacidade de manipular e engolir alimentos sólidos até cerca dos 5 meses de idade, por isso dar-lhos pode fazê-lo engasgar-se ou sufocar.

Os alimentos sólidos também substituem o leite materno ou artificial, que contêm os nutrientes necessários para um crescimento otimal no primeiro meio ano de vida. O leite materno e artificial contêm cerca de 20 kcal por 100 ml, enquanto que uma colher de papa pode conter apenas 16 kcal. O seu bebé beberá 120 a 180 ml de leite por refeição após os dois meses, ou 80 a 120 calorias, mas se ficar cheio com a papa não beberá a quantidade necessária de leite. Portanto, o seu bebé pode parecer saudável, mas estar mal nutrido.

Alguns bebés muito grandes estão prontos para a papa muito antes dos bebés mais pequenos. O seu pediatra dir-lhe-á quando começar. Os bebés prematuros necessitam de mais tempo antes da introdução de alimentos sólidos. Apesar de ter recebido alta do hospital com 36 semanas, o bebé continua a ser quatro semanas mais novo do que um bebé de termo. Dê-lhe tempo para o organismo acompanhar a idade.

Os alimentos sólidos devem ser considerados suplementares, não um substituto do leite materno ou artificial enquanto fonte principal de nutrientes entre o nascimento e os 12 meses.

O bebé deverá estar pronto para os alimentos sólidos quando acontecerem as seguintes coisas:
  • Duplicou o peso com que nasceu.
  • Consegue sentar-se numa cadeirinha com a cabeça direita.
  • Abre a boca quando vê uma colher aproximar-se.
  • Consegue engolir alguns dos alimentos que lhe coloca na boca.
A papa não deve ser colocada no biberão. Não é verdade que colocar papa no biberão faça o bebé dormir a noite inteira. Se o bebé acordar com fome, alimente-o. Depois voltará a dormir.

Vitaminas: As vitaminas e minerais necessários para os primeiros seis meses de vida estão presentes nos leites materno e artificial. No entanto, poderá ser recomendável dar um suplemento de vitamina D a alguns bebés amamentados e poderá ser necessário um suplemento de fluoreto se misturar água engarrafada ou de um poço com o leite artificial ou viver numa cidade que não coloque fluoreto na rede de abastecimento. O seu pediatra dir-lhe-á se necessita destas vitaminas adicionais.

Descontraia e desfrute dos primeiros seis meses de vida do seu bebé. Se o bebé estiver a crescer, feliz e contente, pode ter a certeza de que está a fazer tudo bem!