icon-arrow-down icon icon-arrow-fill-down icon icon-arrow-next icon icon-arrow-prev icon icon-tag-close icon

Assuntos de Família

É Oficial: Mães Dormem Menos Que Os Pais

Agora temos a prova...

compartilhar
Você não está sonhando... Você realmente está mais cansada que o seu parceiro, de acordo com um  novoestudo que descobriu que asmães dormem menos que os pais.  

A pesquisa, que será apresentada no Encontro Anual da Academia Americana de Neurologia, em abril, entrevistou quase 6.000adultos para descobrir as variações entre os horários de ir dormir e os hábitos do sono, dependendo do sexo e das crianças em casa.

Os resultados? Ao contrário dos homens, o sono das mulheres é afetado quando se tem crianças na casa. O estudo descobriu que apenas 48% das mulheres com filhos relataram conseguirem dormir pelo menos 7 horas por noite, se comparado com 62%das mulheres sem filhos. E, mais ainda: as chances de uma mulher não dormir bem aumentaram em 50% a cada filho adicional. Para os pais, o estudo sugere que os homens não percebem uma mudança significativa nos hábitos do sono ao terem filhos.

"Acredito que estes resultados possam dar suporte para mulheres que dizem se sentir exaustas", diz a autora, Kelly Sullivan, Ph.D. em seu comunicado da Academia Americana de Neurologia. "Nosso estudo descobriu que elas não só estão dormindo menos que o suficiente, mas elas também relatam se sentirem cansadas durante todo o dia".

Moral da história? As mamães precisam priorizar mais seu sono. Comece com estas dicas da Fundação Nacional do Sono:  

Dormir quando o bebê dorme-incluindo as sonecas! Resista aquela vontade de colocar mais roupas na máquina ou assistir mais um episódio da sua série favorita.  

Troque turnos de plantão noturno com seu parceiro, e considere colocar aquele que está de folga em um cômodo separado, com protetores de ouvido.  

Tenha a meta de apagar as luzes às 22h. (ou mais cedo ainda, se a criança acorda durante a noite),já que é muito provável que a criança acorde cedo.

Experimente usar uma máquina de ruído branco (que não seja mais alta que a babáeletrônica!), mantendo seu quarto na maior escuridão possível, e evitando usar dispositivos eletrônicos antes de ir dormir ou quando acordar durante a noite.